Unidos nos tornamos fortes para conquistar e realizar nossas metas.

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Se Engravidar, Não Fume. Se Fumar, Não Engravide.

Cigarro

Dentre os malefícios relacionados ao fumo, está o prejuízo que este causa ao bebê quando utilizado pela mãe durante a gravidez e também no período de amamentação.

De acordo com especialistas, a nicotina tragada pela mãe durante a gravidez atinge rapidamente o sistema nervoso central do bebê, determinando alterações na circulação fetal, dificultando a passagem de nutrientes e dificultando as trocas gasosas necessárias para o  pleno desenvolvimento da gravidez.

No aleitamento, o cigarro contamina o leite com nicotina, substância que é absorvida pelo bebê, causando cólicas, náuseas, vômitos e agitação, o que prejudica o sono. Este problema está ligado à quantidade de cigarros consumidos pela mãe. Cinco cigarros por dia já são o suficiente para causar transtornos na hora de dormir.

A nicotina também interfere na produção do leite e no ganho de peso do bebê. A longo prazo, o fumo durante as fases de gravidez e amamentação podem causar dificuldades de aprendizado na fase escolar da criança.

A recomendação é a interrupção total do hábito durante a gestação e amamentação. No entanto, o aleitamento deve ser mantido ainda que a mãe não consiga deixar o cigarro, já que o leite materno previne infecções em geral e problemas respiratórios.

…………………………………….

Fique Ligado

20081215_140943_activia

Benefícios Dos Probióticos

Os probióticos, microorganismos vivos encontrados em leites fermentados, iogurtes, e suplementos alimentares, por exemplo, atuam sobre o equilíbrio bacteriano intestinal, controlando colesterol, quadros de diarréia e ajudando a reduzir o risco de desenvolver câncer. Benefícios como o aumento do valor nutritivo e terapêutico dos alimentos e o aumento da digestibilidade da lactose também são associados à ingestão dos probióticos, bem como a atenuação da absorção do colesterol e a melhora da saúde da pele.

……………………………………..

O Planeta Agradece

sacola plástica

Sacolinhas Resistentes

É direito do consumidor exigir sacolas, plásticas mais resistentes. É o que diz a Norma Técnica ABNT NBR – 14.937. Produzidas de acordo com esta norma, as sacolinhas garantem ao consumidor segurança na hora de carregar as compras já que o selo de qualidade impresso informa o peso que podem suportar (6kg). Desta maneira, não há necessidade de colocar uma dentro da outra ou usá-las com metade de sua capacidade, e o resultado é a redução do desperdício e da poluição causada pelas mesmas. Sendo assim, exija sacolas com o selo de qualidade! É bom, para você e para o meio-ambiente.

comentario_aquecimento_global

Frase do dia

“Ambiente limpo não é o que mais se limpa e sim o que menos se suja.” (Chico Xavier)

Um comentário:

  1. Caro blogueiro,

    A vacina contra Influenza H1N1, vírus que já matou 1.632 brasileiros, está disponível nos postos de saúde pública de todo o Brasil para pessoas com maior risco de desenvolver a forma grave da doença. A vacina foi testada, é segura e já foi utilizada por mais de 300 países do Hemisfério Norte. Sábado, 24, começa mais uma etapa da campanha, voltada agora para a vacinação de idosos com doenças crônicas. No entanto, a população das outras etapas - jovens de 20 a 29 anos, grávidas, crianças maiores de 6 meses a menores de 2 anos e doentes crônicos com menos de 60 anos - ainda podem procurar os postos para se vacinar.


    Por isso, é muito importante contar com a sua colaboração! Você pode ajudar por meio de materiais que disponibilizamos especialmente para blogs.

    Para mais informações sobre como se tornar um parceiro, escreva para fernanda.scavacini@saude.gov.br

    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde

    ResponderExcluir